segunda-feira, 3 de julho de 2017

VIAJANDO NA MAGIA DA LEITURA (PROJETO)


INCENTIVANDO A LEITURA FORA DO AMBIENTE ESCOLAR.

Revista Guia Prático do Professor – Ensino Fundamental Ed. 119, TROUXE AQUELA TRADICIONAL MALETA VIAJANTE, COMO UM ALIADO MUITO IMPORTANTE PARA O DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA E A INTERAÇÃO DA FAMÍLIA COM O DIA A DIA ESCOLAR. 

JÁ FOI CONSTATADO QUE a família tem uma forte influência sobre o hábito da leitura, FOI DESENVOLVIDO UM projeto que, entre outras coisas, visa fazer com que o aluno tenha prazer em ler e consiga transmitir ao outro o que leu. Para tanto, após contato escrito com os pais, são proporcionadas situações de leitura compartilhada entre eles, os demais familiares e as próprias crianças.
Metodologia do trabalho
Em sala de aula, o livro é mostrado com a dimensão do prazer e da alegria, para que o aluno perceba que ler é uma viagem maravilhosa e não apenas mais uma das atividades de escola. Nessa etapa do projeto, o objetivo é aproximar as crianças do universo escrito e dos portadores de escrita (livros), para que eles possam manuseá-los, enquanto reparam na beleza das imagens, relacionam texto e ilustrações, manifestam sentimentos, experiências, ideias e opiniões, definindo preferências e construindo critérios próprios para selecionar o que vão ler. Assim, os professores da instituição também acabam construindo o hábito de ouvir e sentir prazer nas situações que envolvem a leitura de histórias e, em consequência, também desenvolvem no aluno a facilidade de se expressar em público, inicialmente, perante aos próprios colegas de sala.
Em seguida, as crianças são estimuladas a levar para casa, sempre às sextas-feiras e mediante sorteio, uma maleta que contém livros paradidáticos e um caderno de registro, no qual são orientadas a registrar e recontar a história lida, usando principalmente a escrita. Nas segundas-feiras, além de devolver a maleta, os sorteados, individualmente, apresentam sua criação aos colegas.
O PROFESSOR TAMBÉM PODERÁ ACRESCENTAR O RECONTO EM SALA DE AULA. 
Etapas para a execução da atividade
De posse da maleta, a criança escolhe um dos livros paradidáticos e um de seus responsáveis, previamente orientado pela escola, faz a leitura para ela. Ainda durante o fim de semana, eles conversam sobre a história, o aluno a reconta com suas palavras e, com ajuda do responsável, faz o registro dela no caderno apropriado.

Depois, ainda em conjunto, ambos preenchem a ficha avaliativa, que vem anexada atrás da folha do registro e, se possível, pedem para outro membro da família fotografar o momento da leitura. A imagem obtida também deve ser colada no registro. Na segunda-feira, ao retornar às aulas, o aluno deve entregar a maleta e, então, apresentar para os colegas o livro que leu e o seu registro familiar. Tudo muito simples, mas muito interativo para os todos os envolvidos no processo!

Modelo de bilhete
Para envolver os pais na atividade.


Modelo de Ficha de leitura e Acompanhamento


Modelo de maleta viajante, mala viajante ou sacola literária




"A LEITURA É UMA PORTA ABERTA PARA UM MUNDO DE DESCOBERTA SEM FIM."
PARA SALVAR, CLIQUE NAS IMAGENS.

0 comentários :

Postar um comentário