quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

A primeira reunião do ano com professores e funcionários


Começo de ano é uma das épocas que mais gosto na rotina escolar, 
porque vamos começar a construir uma história nova! 
E como daremos início às atividades fará toda a diferença.
A cada ano, fica mais claro para mim que uma boa convivência 
entre todos os membros da escola e uma relação pautada no 
profissionalismo, respeito e objetivos comuns são determinantes 
para assegurar a qualidade do trabalho pedagógico. 
É responsabilidade da equipe de direção instaurar um bom clima 
de trabalho.
Acredito que a primeira ação para construir um ambiente saudável 
seja planejar a primeira reunião do ano, acolhendo a todos 
e explicitando algumas especificidades da instituição. Mesmo 
que a escola faça parte de uma rede, cada uma constrói o seu 
funcionamento, definindo sua identidade ao longo dos anos. 
Então, é preciso compartilhar tudo com os novatos.
Planejando a reunião
No início do ano, um dos cuidados que precisamos ter é 
estabelecer um vínculo bacana com todos os professores e 
funcionários. O acolhimento dos novatos e também dos veteranos 
deve estar presente nas atitudes diárias e ser um dos pontos 
principais na pauta do primeiro encontro.
Mensagem: Vale fazer um cartão, com mensagens distintas 
para cada grupo (novatos e antigos), ou um marcador de livros 
para ser entregue para cada pessoa, na medida em que elas 
chegam para a reunião. Outra possibilidade é passar uma mensagem coletivamente. Uma sugestão que já fiz e o grupo gostou muito 
foi tocar a música Filtro Solar e entregar a letra impressa. A voz 
de Pedro Bial combinado à poesia que ele declama dá um tom 
mais contemporâneo sem cair na pieguice de algumas mensagens 
que mais parecem conselhos de autoajuda.
Dinâmica: Preparar uma dinâmica para que todos se conheçam é 
oportuno, mas é preciso cuidar para que ela não se estenda 
muito, pois a pauta é longa.  Uma que gosto é aquela na qual 
você define as duplas ou solicita que cada um procure uma pessoa 
que ainda não conhece ou não tenha muita convivência. Depois, 
você orienta para que conversem por cerca de dois minutos, 
incluindo nesse bate papo uma meta ou objetivo pessoal ou 
profissional para o novo ano.  Em seguida, cada pessoa 
apresenta o colega com quem conversou. 

Exemplo: se a Ana conversou com a Maria, será a Ana quem 
apresentará a Maria para o grupo, compartilhando o objetivo 
da colega  e vice-e-versa.
Claro que os membros da equipe de direção também fazem dupla 
com algum novato na escola, pois é fundamental que se incluam 
no grupo e participem da dinâmica para estabelecer vínculos.  
Aliás, isso vale para todas as atividades, pois é bem chato 
quando os gestores ficam apenas olhando e não participam, 
seja em palestras, cursos ou oficinas. Mesmo que eu já tenha 
feito o mesmo curso antes dos professores, volto a participar 
ativamente com eles.
Depois desses dois primeiros momentos, cabe uma fala (curta!) 
de cada membro da equipe desejando um bom ano para todos. 
Bem, depois disso é hora de entrar na pauta da reunião 
propriamente dita e explicar o que farão nesse e nos outros 
dias do planejamento. O exemplo que vocês encontram 
clicando no link anterior é um documento que elaborei 
para uma escola na qual dou assessoria.
Retirado da Revista Gestão Escolar

0 comentários :

Postar um comentário